Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Conversas e Café

Como manter a sanidade mental nestes dias de quarentena?

O que é certo é que já se passaram três dias desde que o Governo Português apelou ao Isolamento Profilático/Voluntário ou Quarentena, como quiserem chamar, como medida de prevenção ao COVID - 19. Nunca pensei ser mais uma pessoa neste mundo a abordar este tema no qual já somos tão bombardeados diariamente mas a questão que me tenho mais me dado de conta à minha volta é o facto de que isolados em casa, toda a gente vai dar em maluquinho. 

Estou em isolamento desde sexta pelas 12h e não tenho sentido muita falta das rotinas (sem ser o ginásio e de mais algumas atividades) eu sou daquelas pessoas que adora estar em casa, tanto que para mim, esta época de quarentena é algo como "férias" para a minha pessoa uma vez que nem nas férias sou de sair tanto contrariamente à maioria das pessoas. Daí fazer-me um pouco de confusão quando sou confrontada com o facto das pessoas acharem que vão acabar malucos no fim deste período de maior contenção.

Mesmo assim, e sendo eu uma pessoa que gosta tanto de estar em casa, vim dar-vos algumas sugestões de como vos ajudar a manter a vossa sanidade mental durante estes dias e, consequentemente, aprender a gostar de ficar em casa, quem sabe!

 

  • Meditar - mais uma vez refiro por aqui o quanto a meditação é importante e fundamental, sobretudo neste período de isolamento, para tentar equilibrar todas as nossas emoções que acabarão, dia menos dia, por surgir. Emoções tal como a ansiedade, a frustração, o nervosismo, o aborrecimento, entre muitas outras, acabarão por surgir inevitavelmente. Faz parte pois são muitos dias confinados no mesmo espaço, vinte e quatro sobre vinte e quatro horas, mas há muitas ideias para criar atividades de lazer sobretudo para quem tem crianças pequenas que irão fazer com que o tempo passe mais rápido. Mas meditar é algo para incluir nos planos.

 

  • Manter a informação BEM atualizada - Saber filtrar a informação que lemos, ouvimos e recebemos é muito importante essencialmente quando se trata de informação relacionada com o COVID - 19. Pois nem todas as notícias que circulam pelos meios de comunicação e pela Internet são verdadeiras. As chamadas fake news vieram para ficar e são algo que pode ser prejudicial nesta fase que o nosso país e o mundo atravessam. Por isso esqueçam os áudios de WhatsApp que viralizam pela Internet, esqueçam os números que são apresentados online e foquem-se simplesmente naquilo que é credível, nas informações e recomendações dadas pela DGS (Direção Geral de Saúde) e pela OMS (Organização Mundial de Saúde), essas informações são atualizadas em direto, diariamente pelos telejornais dos principais canais portugueses e essas são as fontes oficiais que devemos manter-nos informados. Não se desinformem. Filtram bem toda a informação e avirguem se são factos credíveis e fiáveis e se são objetos de informação ou de desinformação. 

 

  • Manter a calma e seguir todas as recomendações - Face aos acontecimentos e a todo o desencadear da situação é importante manter-se calmo e pensar positivo. Lembrem-se que quanto mais cedo começarem a seguir a instrução de ficar em casa longe de grandes aglomerados de pessoas, quanto mais cedo lavarem as mãos com mais frequência e desinfetar objetos e espaços que utiliza com maior frequência, mais cedo este "pesadelo" termina. Por isso não entrem em pânico e vão desalmadamente correr aos supermercados encher a despensa com enlatados e papel higiénico sem qualquer necessidade, pensando somente em si e não nos outros. Parem, respirem, reflitam. 

 

  • Manter contacto virtual com amigos e familiares - Com a ajuda de diversas plataformas que permitem fazer videoconferência, como o Skype, FaceTime, Messenger, WhatsAppInstagram, etc., porque não manter-se longe mas perto das pessoas que mais gosta, dar umas gargalhadas e trocar algumas ideias e opiniões sobre esta nova experiência de ficar em isolamento? A comunicação é fundamental para a vida do ser humano e não é o facto de estarmos em casa que não podemos manter contacto com os outros uma vez que não vivemos no tempo da pedra que era necessário recorrer a sinais de fumo para se comunicar. As novas tecnologias ajudam!

 

  • Fazer exercício físico - Três dias de quarentena, 5 treinos feitos. Não é o facto do ginásio estar fechado que impeça de trabalhar o corpo, aliás, há imensas apps de fitness que vos ajuda atingir objetivos, no último post sobre este assunto falei-vos da que eu estou a usar, e se a desculpa é a falta de armazenamento, há imensas pessoas do mundo do fit que todos os dias fazem lives no Instagram com um serie de exercícios para vos ajudar a por em movimento nestes dias de quarentena. Exemplo disso, o @ptpauloteixeira e a namorada @helenacoelhooo estão a fazer nas suas contas pessoais do Instagram alternadamente pelas 19:30h. Mas há muitos outros. 

 

  • Manter-se ocupado - Ser produtivo nestes dias é a melhor coisa que pode fazer durante estes dias. Dei imensas sugestões neste post mas estou a lembrar-me de muitas outras como começar a por em prática algum trabalho ou apresentação, ou estudar para os testes e frequências que foram adiadas. O que for.. manter a mente ocupada, elaborar uma lista de tarefas com algumas coisas para fazer é muito importante pois as horas passaram mais depressa e será mesmo torturador ficar em casa (para quem não gosta!).

 

Depois disto, quero apelar para que FIQUEM EM CASA. Lavem as mãos constantemente. Mas sobretudo FIQUEM EM CASA, tomem consciência. Eu sei que para muitos pode ser uma tortura mas neste momento a nossa saúde depende disso. Obviamente que há profissões em que não posso apelar para tal mas quem puder, por favor que fique. O dinheiro, neste momento, não é nada se não houver saúde. Saiam somente quando for URGENTE. Mas não se coloquem em risco pois estamos a atravessar uma situação delicada, há que ter esperança que dias melhores irão chegar mas por favor, isto NÃO É BRINCADEIRA! A AMEAÇA É REAL! NÃO VALE A PENA COLOCAR-SE EM RISCO, NÃO SÓ VOCÊS MAS TAMBÉM QUE VOS RODEIA. CANCELEM TUDO, DÁ TEMPO! TUDO PODE ESPERAR, EXCETO A NOSSA SAÚDE. Ainda temos muito para viver. Por isso, uma vez mais, e mesmo no tédio, FIQUEM EM CASA!

 

 

Conversar :

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

A autora

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub