Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Conversas e Café

A paixão pelo pelo...

Com a vaga de frio que se faz sentir lá fora, já convida a vestir umas peças mais quentes. Parece que o inverno está prestes a chegar e com ele vem milhões de peças de roupas que coloca qualquer um com os nervos em franja pois queremos tudo. Agora, aqueles casacões de pelo bem felpudo, quentinho e macio, regressaram com mais força que nunca, deu-me aquela vontade de fazer um post cheio de ideias de outfits bem ousados e quentes para esta estação. 

Vamos encher a alma com estes outfits? Eu também quero ter um.

that fur is amazing. #AdesuwaPariyapasat #offduty in London.

Super glam!

#fur #chic #luxury

Rihanna in all all pink outfit with a pink fur coat

pink faux fur

The checkered print was spotted on suits, coats and skirts.

 

Eu adoro toda esta seleção que fiz para vocês. Acho que este casaco dá um toque de muito chique no outfit

Digam-me lá o que acham. 

 

(Imagens: Pinterest)

A minha experiência com o sensor FreeStyle Libre

Hoje trago um tema bem diferente do habitual. Não, não tem nada relacionado com moda ou beleza, muito menos textos motivadores. Mas é um assunto que merece a minha especial atenção e especial atenção pelo público em geral. O tema de hoje está relacionado com a minha doença que é cada vez mais comum, não só em Portugal mas por este mundo fora. Estou a falar da Diabetes. Desengane-se quem pensa que esta doença está relacionada com a alimentação incorreta desde o consume de doces, não no meu caso pois tenho o Tipo I. Não passou de uma "avaria" no pâncreas que descontrolou tudo em mim. 

E após oito anos de uma longa rotina de muito controlo e persistência, após oito anos a picar os dedos vezes e vezes sem conta para verificar os valores da glicose no sangue, chegou altura de por fim às picadas nos dedos e a tudo o que envolvia ver sangue, não que me incomodasse, não de todo. Mas por mérito, por merecer algo melhor para a minha vida. 

No início, quando este sensor apareceu no mercado, relativamente à pouco tempo, as enfermeiras do hospital começaram a falar mais sobre o assunto mas eu não queria. Aliás, muitas discussões tive com a minha mãe pois ela sempre quis que o colocasse embora não via qual era o verdadeiro interesse naquilo. 

Até que aconteceu. Na minha última consulta de rotina, voltei a insistir que não queria, até conhecer uma pessoa que também estava na mesma sala de triagem que eu e trocamos algumas impressões sobre este sensor. 

Deliberei muito pelo assunto, pensei nos prós e nos contra e só encontrei vantagens pois, para além de controlar melhor a glicose, seria uma mais valia para "poupar" os meus dedos a mais picadas, reforçando a ideia de que são oito anos a desgasta-los. E aconteceu. 

IMG_0541.JPG

Eu acho que talvez o que fez-me repensar sobre este assunto foi o facto do meu futuro e deixei todo o receio quanto ao preconceito alheio, quanto ao que as pessoas poderiam pensar ou dizer e coloquei-o, simplesmente. 

Quanto à minha experiência, depois de colocado, faz um pouco de impressão na primeira hora, pois os filamentos constituintes no sensor estão a "fixar-se" na linfa intersticial para dar os resultados. Mas depois é bem tranquilo que até se esquecem que o têm ali. A melhor parte é que podem tomar banho, ir ao ginásio, fazer a vida toda normalmente com ele pois ele fica colado na vossa pele durante 14 dias. Eu coloco por cima este adesivo muscular de cor preta (porque não encontrei o cor de rosa) com o intuito de proteger para que este não salte do braço antes do tempo com uma pancada ou algo do género no braço. Quando o removi, pela primeira vez, achei bem mais fácil e muito menos doloroso do que imaginei. O que mais incomodou, foi nas primeiras noites adormecer sem que o sensor me incomodasse.

Para dizer a verdade, eu nunca pensei gostar tanto deste sensor pois permite-me melhor controlo da glicose para além da previsão de resultados. Se antes achava que não ia gostar daquilo e que as pessoas iam olhar-me de lado por isto, agora, posso-vos dizer, claramente, que é das melhores que tenho. Prático, rápido e discreto, são estes os adjetivos que melhor descrevem este sensor FreeStyle Libre. 

Neste momento que o tenho, já à praticamente 2 semanas, o que posso dizer que sim, recebi alguns olhares, perguntas mas isso não me impediu de seguir a minha vida e é com todo o gosto que falo sobre isto pois trata-se de um assunto normal. 

Por isso, decidi fazer este post. Recomendo-vos a colocarem se tiverem oportunidade para tal, vale mesmo muito a pena.

 

 

Vamos defender-nos contra os resfriados?

Pois é meus amigos, hoje, pelo menos por estes lados, o outono deu um breve spoiler de que poderíamos contar. Digamos que viemos de um verão quente para um outono chuvoso e todas estas oscilações de temperatura são a causa mais frequentes dos resfriados. Mas eu tenho um pequeno truque na manga para quem quer fortalecer o sistema imunitário contra a todas as gripes e resfriados. 

transferir.jpg

Vou contar-vos a história por detrás deste sumo de toranja maravilhoso. Sempre que chega a estas alturas do ano, com as oscilações de temperatura e ar condicionado à mistura, começo a ter um cuidado redobrado pois o meu sistema imunitário e as minhas defesas recaem e para que tal não aconteça, este sumo, em jejum é o meu maior aliado. Para quem não é muito fã para o agridoce, vai torcer o nariz certamente com este sumo e ainda ter aquela secreta vontade de adicionar açúcar coisa que não aconselho a fazer pois vai cortar todo o efeito das vitaminas. Mas isto é muito fácil de fazer e tem múltiplos benefícios para a nossa saúde para além de nos "puxar" para cima. Quem mo recomendou e deu-me a conhecer esta que é a oitava maravilha do mundo foi a minha nutricionista. E de facto, resulta. E por resultar, venho compartilhar convosco. 

Tudo o que vão necessitar é de uma toranja e um espremedor de frutas. Simples não é? 

Espero que isto vos ajude contra os resfriados e as gripes. 

 

A autora

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D