Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Conversas e Café

Playlist | As de verão...

Hoje acordei com uma vontade peculiar de partilhar convosco algumas músicas que têm alegrado os meus dias. A música faz parte do meu dia, sempre. Um dia sem ela, não é a mesma coisa. Por isso, aqui vão aquelas que mais tenho ouvido nos últimos tempos e prometo que elas têm uma vibe mais leve e um ritmo maravilhoso para os dias (e noites!) de verão. 

É só apertar no play

 

 

Espero que também tenham gostado deste género de playlist com um cheirinho a verão. 

O que andam a ouvir? Também quero saber!

#BackToSchool | Material escolar para a faculdade

Se és um futuro estudante universitário, este post foi feito a pensar em ti de modo a socorrer-te quando o assunto se trata de material escolar. Após o post recheado de dicas de sobrevivência ao 1º ano de faculdade (link aqui), onde dei algumas dicas baseadas na minha experiência académica e até um mini glossário com palavras que à partida te parecerão estranhas e complicadas, mas que no fim, vais acabar por te familiarizar e tratares por "tu". Eis que chegou a hora de te falar sobre material escolar. 

Amantes de papelaria (a.k.a futuros estudantes do ensino superior) não se desesperem, afinal, menos é mais, não esquecer. Já recebi imensas questões sobre o que levar para a faculdade, será necessário um caderno para todas as cadeiras? Será preciso cinquenta mil canetas de cores diferentes? A resposta é NÃO! A minha sugestão recai para opção do mais simples e básico possível. Por isso, deixo aqui a minha listinha de essenciais de regresso às aulas e o porquê da minha escolha. 

CADERNO 

Vocês vão precisar de um caderno apenas para tirar todos os vossos apontamentos de todas as cadeiras. Como as cadeiras são semestrais e mudam em cada semestre, a meu ver não compensa ter um caderno por cadeira para além do peso que transportam sem qualquer necessidade. A dica passa por identificar a cadeira em questão, acompanhado pela data, antes de começar a tirar os vossos apontamentos para terem uma percepção de quando mudam de unidade curricular. 

 

LÁPIS/ LAPISEIRA E BORRACHA

Por questão de praticidade, no meu dia a dia, retiro os meus apontamentos nas aulas a lápis. Porque assim, quando me engano passo a borracha e não tenho que demorar a passar fita corretora ou a riscar. Para além de ser mais rápido para escrever e acompanhar o raciocínio do professor da cadeira em questão.

 

MARCADORES COLORIDOS 

Muito úteis para identificar as cadeiras e/ou para sublinhar informações importantes, para além de dar um pouco mais de cor aos apontamentos (acreditem ou não, na hora dos resumos, dá uma motivação extra para estudar!). Mas uso, com maior regularidade, nos resumos finais para estudar seja para a frequência ou para o exame. 

 

CANETA AZUL OU PRETA 

Mesmo quando retirem os vossos apontamentos a lápis, é sempre obrigatório ter, pelo menos, uma caneta no estojo. Para além de ser útil em dias de avaliação, acaba por não pesar e nunca se sabe quando é necessário utilizá-la. 

 

POST-IT/MARCADORES DE PÁGINAS ADESIVOS

Para mim, é um essencial sobretudo na hora do estudo. Vocês conseguem organizar tudo com eles. Desde retirar notas de outras leituras para complementar os vossos apontamentos ou para apontar dúvidas para esclarecer com o docente na aula seguinte. E claro, marcar as páginas de algum capítulo importante ou até mesmo onde acabaram os vossos resumos para retomar no dia seguinte. 

 

COMPUTADOR/TABLET (OPCIONAL)

Este item é opcional. Vai depender muito da metodologia de trabalho de cada pessoa. Há quem consiga tirar todos os apontamentos no computador ou tablet, não sou dessas pessoas. No meu caso, sendo muito old school e todos os meus apontamentos serem em papel, sinto que consigo ter tudo mais organizado se for feito por mim por esquemas e não em texto corrido. Daí prescindir do computador a maior parte do tempo. Só mesmo se for uma cadeira de literatura em que tenha uma obra descarregada e precise de acompanhar o documento/obra em questão para tirar os meus apontamentos. Senão, consigo abdicar  destes objetos. Mas, tal como disse, vai depender de cada um de vocês. 

 

E pronto, acho que a nível de material escolar, acho que isto é o básico e essencial para iniciar na faculdade. 

Espero que tenha-vos ajudado, de qualquer forma. 

Bom regresso ou como se diz por aí, saudações académicas! 📚

 

(Imagem: Pinterest)

A minha rotina de pele de dia...

Hello maltinha, hoje decidi falar-vos da minha rotina de pele para dia.

Ultimamente, tenho experimentado alguns produtos diferentes na minha pele para perceber quais aqueles que melhor se adequam a mim e tenho sentido uma diferença gigante na minha pele. E por sentir que a minha pele se adaptou bem a estas mudanças, decidi partilhar convosco os meus segredos. Com isto, não significa DE TODO que será uma rotina perfeita para toda a gente uma vez que cada pele é uma pele e nem todas toleram o mesmo tipo de produtos. Por isso há que ter em atenção a diversos factores tais como o tipo e o estado de pele para corresponder às necessidades da mesma (para tal aconselho a ler este post que explica um pouquinho mais sobre o assunto).

Vou explicar-vos, passo a passo, a minha rotina diária e os produtos que utilizo, em seguida. 

1º Passo: Limpeza da Pele - Imprescindível para todas as rotinas de pele. Começar por limpar a pele com produtos adequados à vossa pela é sempre essencial para remover qualquer resíduo que esteja acumulado na pele e prepara-a para receber todos os produtos que aplicaremos em seguida. Pessoalmente, uso o shampoo da Johnson's baby desde os primórdios da minha rotina de skincare por opção própria em substituição do gel de limpeza tradicional, no entanto, tal como referi, foi por opção minha.

Depois deste passo, segue-se a minha rotina atualizada de skincare que tem feito milagres: 

IMG_2307.JPG

2º Passo: Sérum - Um passo que mudou totalmente a aparência da minha pele (em substituição do tónico da minha rotina anterior). Optei por um sérum antimanchas com Vitamina C, Niacinamida e Ácido Salicílico da Garnier para clarear a pele quanto a algumas manchinhas que tenho, incluindo as de acne que volta e meia gostam de aparecer. No entanto, há imenso séruns disponíveis no mercado adequados para qualquer "objetivo" que queiram obter, desde aos mais hidratantes até antimanchas e antienvelhecimento também. É uma questão de escolher ponderadamente adequando às necessidades da vossa pele. 

3º Passo: Hidratante - Outro passo fundamental e imprescindível para uma pele saudável é, sem dúvida, a hidratação. É necessário saber muito bem que tipo de hidratante que melhor se adequa à vossa pele. Costumo usar o Hyseac Matifying Emulsion da Uriage que é apto para pele mista a oleosa e adoro-o. Mas, desta última vez que fui repor o stock, houve outro menino que me despertou a atenção, estou a falar do Facial Moisturising Lotion da Ceravé que promete hidratar e tem uma textura ainda mais leve quando comparada com a textura em gel do da Uriage. E embora não refira na embalagem, ele funcional igualmente para o meu tipo de pele, por isso, acredito profundamente que é uma boa opção para qualquer tipo de pele para além de o preço ser bem convidativo. Acreditem que não me desiludiu. 

4º Passo: Protetor Solar - Faça chuva ou faça sol, seja inverno ou verão, protetor solar é algo que sempre uso e não abdico na minha rotina de pele. E numa época em que temos uma vasta variedade no mercado em promoção, há muito por onde escolher. Pessoalmente, confio na gama da Nívea para tal e uso o Shine Control - Efeito Matte com SPF 30 para uso regular. Um pequena quantidade, dá para o rosto e pescoço sem deixar qualquer cor ou ficar mais esbranquiçado ao ponto de interferir com a maquilhagem (base, corretor, etc.). 

5º Passo: Hidratante Labial - Porque os lábios não merecem ser esquecidos, a sua hidratação também é fundamental. E para tal, eis o MELHOR hidratante labial para lábios ressecados e tudo mais, na minha humilde opinião (que está sempre a mudar, à medida que experimento novos produtos para esta zona). Estou a falar do Cicaplast Levres da La Roche-Posay, o milagre existe e dá 20-0 ao da Carmex! Mas quero testá-lo no inverno para corroborar esta afirmação, mas até então afirmo com todas as letras isto, aguardem por futuros feedbacks sobre o produto. 

6º Passo: Água Termal - Para finalizar, água termal. Vai acalmar a pele enquanto refresca e hidrata a mesma como também vai ajudar que todos os produtos se fixem na pele da melhor forma possível. Gosto de aplicá-la depois da rotina de pele, isto é, antes da maquilhagem e também depois da maquilhagem para garantir que a duração desta seja prolongada. Sim, na minha rotina, a água termal funciona também como fixador de maquilhagem. E há duas marcas que eu adoro para devidos efeitos, a Avène e a Uriage, mas qualquer marca garante o mesmo. 

 

E pronto, eis a minha rotina de dia. Em apenas 6 passos, que nunca salto, consigo oferecer o melhor à minha pele de acordo às suas necessidades. O resultado é uma pele mais bonita, hidratada e iluminada. 

Espero que tenham gostado e que vos tenha convencido a criar uma rotina de pele também para vocês. 

Já experimentaram algum produto que mencionei? Quero saber a vossa opinião e também tudo acerca da vossa rotina de pele. Sintam-se livres para partilhar! 

😉

50 TONS DE CORES...

Parou tudo!! Voltei com mais um post aqui no blog e hoje vamos falar de cores e como criar todo um outfit baseado nelas. 

Devo confessar que estou apaixonada por esta tendência embora ainda não tenha experimentado. No entanto, acho que é algo que nem toda a gente gosta ou pelo menos usaria pois a sobreposição de cores diferentes e complementares (opostas) pode causar impacto no mundo em redor e chamar a atenção. 

O post de hoje veio sobretudo com uma dica infalível para criar combinações interessantes e que acabam por resultar, mas como também para vos inspirar ou até mesmo convencer-vos a aderir a esta moda.

O segredo para estas combinações darem certo é basear-se no círculo cromático e ser criativas na hora de compor o look. A dica escolher uma cor base, seja de um acessório ou de uma peça de roupa e montar em torno dela. Ver quais são as cores opostas e as que aparecem lado a lado delas. Para alongar ou quebrer o choque entre a combinação de cores, optem sempre por uma palete de cores neutras (branco, preto ou bege/nude). 

O circulo cromático pode servir de base para começar a explorar este lado mais colorido do vosso guarda roupas, sejam elas cores complementares (quando encontram-se em posição oposta) ou análogas (quando encontram - se lado a lado no círculo).

E vocês, o que têm a dizer sobre esta tendência? 

Confesso que me estou a apaixonar por ela. 

 

 

(Imagens: Pinterest e Google Imagens)

48 anos de Liberdade...

Hoje, dia 25 de abril, é um dia lindo e com outra cor. Não por ser feriado numa segunda feira e por consequência termos direito a um fim de semana prolongado, mas sim, pelo próprio significado desta data em Portugal. Há sensivelmente 48 anos, acontecia uma Revolução que pôs fim à ditadura e marcou o início da Liberdade.

Entre as nove definições que aparecem no Dicionário Priberam, quando se pesquisa por liberdade, para mim, a que mais se adequa a este contexto histórico que hoje celebramos é: 

Direito de um indivíduo proceder conforme lhe pareça, desde que esse direito não contra o direito de outrem e esteja dentro dos limites da lei.


"liberdade", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/liberdade [consultado em 25-04-2022].
 
 
É nosso direito expressar-nos, sermos livres, desde que não haja invasão do espaço do outro, atenção, sem ter medo das consequências ou represálias dos nossos atos, sobretudo se estes entrarem em conflito de opiniões contra ao poder político. 
 
Quarenta e oito anos parece já um passado longinquo para muitos, mas não, numa escala de medição de tempo histórico, foi ainda ontem. É muito recente. Somos livres apenas há 48 anos. E muitas das vezes, nem nos damos de conta o quão importante é sermos livres. Talvez porque é um direito que pertence à Constituição Portuguesa e se encontra camuflado entre nós no nosso dia a dia ou talvez por vivermos num país tão lindo quanto o nosso, ser livre entrou na nossa cultura enquanto sociedade que até já passou despercebido por entre os afazeres do dia a dia. O que é certo, é que SOMOS LIVRES. E que aqui não há mais espaço para um regime ditatorial, não há espaço para um "neossalazarismo" e para todos aqueles que pensam que no tempo de Salazar era tudo melhor. 
 
Podemos ser pequeninos, mas somos tão grandes pela nossa LIBERDADE. 
 
Que neste dia possamos refletir, lutar e celebrar pois mais um ano do início de uma fase tão bonita, VIVER EM LIBERDADE. 
 
UM VIVA À LIBERDADE!
 

(Imagem: Twitter)

 

 

Sobre Empatia...

Quantas vezes se puseram no lugar do outro? Quantas vezes ajudaram alguém sem qualquer tipo de interesses, glorificações, reconhecimentos ou recompensas? Quantas vezes pararam para pensar "e se fosse comigo" ou "se tivesse em tal situação como iria reagir ou como esperaria ser ajudada"? 

Nunca vi um mundo tão mais avesso que aquele que vivemos nos dias de hoje, em que os interesses falam mais alto e onde as pessoas sentem a ousadia de aproveitar da boa vontade dos outros em benefício próprio. Não é sobre nós mas é também sobre o mundo que nos rodeia, é também sobre o próximo. Não é só e exclusivamente para louvor ou reconhecimento por parte dos outros. Aliás, nada é uma questão de recompensa, tudo é sobre ter a humildade de se colocar na pele do outro, de ser genuinamente Humano e ter a coragem de ajudar sem esperar nada em troca. Não é uma questão de interesses pessoais ou olhar para o nosso umbigo somente e ajudar simplesmente quando os convém, só porque fica bem do ponto de vista social. É sobre valores... É sobre empatia. 

Reflitam sobre isso e se fizer sentido coloquem em prática este valor tão essencial que nos tornam verdadeiramente Humanos com um H maiúsculo. Porque tudo é uma questão de Ser. Nada é uma questão de Parecer

E se assim o fizerem, vão ver que, afinal, o mundo é tão mais bonito! 

13 de março de 2010

Treze de março de 2010. Uma data que vai ficar sempre marcada na minha memória e sempre recordada com tal angustia que ainda hoje inquieta de certo modo o coração em recordá-la.

Esta data marcou o início de uma nova história, de uma nova batalha com que luto com tudo o que tenho, com o melhor e pior de mim, todos os dias. Foi o dia do meu diagnóstico de Diabetes Mellitus Tipo 1. Isto tudo numa menina com quase nove anos. E foi a partir desse dia, mesmo com medo do desconhecido, que eu soube que desde então, a minha vida mudaria para sempre. Não estava errada acerca disso. Fui simplesmente "obrigada" a crescer à força e a assumir responsabilidades que não competia a uma criança de nove anos a assumir, no entanto, uma vez mais, a vida pôs-me à prova e eu tive que aceitar e demonstrar que estava à altura deste enorme desafio. 

Permitem-me em descrever esta doença como um desafio porque nem nos melhores contos de fada, nem nas melhores fantasias seria outra coisa, aliás, se a Diabetes fosse uma personagem fictícia seria uma vilã malvada e sem coração. Muitos romantizam com a frase "até se vive bem com diabetes". Sim, é certo vive-se. Mas "bem"? Tenho as minhas dúvidas! Se quiseres minimizar os impactes e todas as consequências, que às vezes sou ligeiramente atormentada só de pensar, tens de saber controlar ao mínimo detalhe. E deixem-me dizer, não é de todo fácil e devo confessar o quão frustrante e indigno é, sobretudo, quando fazes tudo certo e dá TUDO errado.

Vejo-a como uma BATALHA que estou comprometida a levar até ao fim. E no final de contas, doze anos depois do trágico sábado, 13 de março de 2010, posso diz que essa menina que foi forçada pela vida a crescer, tornou-se numa enorme guerreira que sempre foi à luta com todas as armas que tinha e mesmo nos seus piores dias, seguiu de cabeça erguida e não permitiu ser derrotada nem pela doença nem pelo desgaste psicológico que está associado a ela porque, como já dizia a música, "o que não nos mata, torna-nos mais fortes". 

4 anos de (muitas) Conversas e Café

Dezoito de fevereiro de dois mil e dezoito...

Hoje faz quatro anos que iniciei esta aventura de ter um blog. Sim, leram bem, quatro anos! Não era algo que me fosse desconhecido, se já não tivesse eu, em outros tempos remotos, ligada ao mundo da blogosfera em tantas outras plataformas. Mas foi aqui que decidi ficar, foi aqui que me senti mais em casa, que consegui ser mais "eu". Autentica. Uma menina com os seus (quase) dezassete anos, cheia de sonhos e à procura de se expressar da melhor forma que sabia e de ser reconhecida pelo mundo. 

Nestes quatro anos aprendi a ser e a fazer melhor. Algumas coisas mudaram a nível de conteúdo mas algo não mudou em mim, expressar-me tal como sou, pela minha escrita. Continuo a ser a mesma pessoa que escrevia há quatro anos mas claramente mais crescida. Algumas vezes, foi desafiante manter o conteúdo por aqui, ainda hoje é, honestamente. Havia alturas em que joguei pelo seguro, escrevi sobre o conteúdo que convinha escrever, admito, em prol dos números e de toda a audiência em geral, em vez de seguir o meu coração e arriscar escrever o que estava na alma, aquilo que ressoava melhor para mim naquele momento. 

O mundo da blogosfera não é fácil de todo como muitas pessoas pensam. Há sempre a ilusão de que é só chegar, escrever e publicar. No entanto, nem sempre é assim. Necessita tempo. E coragem também...

O que diferencia o meu blog dos outros? É uma questão que nem eu própria, enquanto autora, sou capaz de responder. Mas posso garantir que tudo é feito com o coração! Desde o design, às publicações. À forma com que recebo e respondo ao vosso feedback. Com AMOR e GRATIDÃO. Pois hoje, aquela menina com os seus dezasseis anos, sabe que está no caminho certo pois é capaz de olhar e perceber que, pelo menos, pôs alguém neste mundo a pensar sobre o que escreveu, mesmo sendo o post mais simplório que ela se propôs a fazer. Porém, se alguém o leu, não ficou indiferente certamente. Para mim, já é o suficiente. 

Estes quatro anos, têm sido qualquer coisa como MARAVILHOSOS graças a todos vocês. Portanto, hoje vamos brindar também à vossa presença neste meu cantinho que também é-vos familiar, onde as Conversas e o Café nunca podem faltar!

Um muito OBRIGADA a todos vós que tornam, TODOS OS DIAS, este meu projeto possível!!

Decoração Grinalda 1º Aniversário Convite-2.pn

 

🤎

 

Dates no Dia dos Namorados

Já pensaram no que vão fazer no dia dos namorados com a vossa cara metade? O quê? Mais um ano a jantar no restaurante favorito? E se eu vos disser que tenho aqui algumas sugestões para surpreender e passar um bom momento com a vossa pessoa!? Vamos lá tirar notas e pensar em possíveis lugares dentro da vossa zona de residência para fazer isto acontecer. 

Dia de São Valentim, ou dia dos namorados, tal como preferirem, é, na minha humilde opinião uma excelente oportunidade de negócio, então agora depois de pandemia, todo o comércio em geral, agarra esta ocasião para apostar e ganhar algum dinheiro depois do caos financeiro que sofreram nestes últimos tempos. Pois vejamos, na minha perspetiva, quando se ama alguém de verdade, não precisamos de ter uma data específica para demonstrar todos os nossos sentimentos por essa pessoa. No entanto, não condeno a quantidade de amor que existe nesse dia, só acho que deveria estender-se pelos restantes 364 dias do anos. É só o meu ponto de vista extremamente racional. No entanto, e agora apelando o meu lado mais romântico e sentimental, deixo-vos aqui dicas daquilo que eu imagino que seja o encontro/date mais apropriado para este dia.

 

Piquenique na praia 

Um piquenique na praia, a ver o pôr do sol enquanto as ondas do mar abraçam a areia, a comer a vossa comida preferida, parece-me uma boa opção. Para além de terem ao vosso lado a pessoa que adoram, ainda são previligiados por ter o mar diante de vós, o cheiro da maresia e ainda o relaxante som do mesmo a bater na areia como banda sonora da vossa paixão. O que vos parece? 

 

Dia de Spa 

Um dia de spa também é muito bom sobretudo quando é feito em conjunto. Importante fazerem uma pesquisa sobre promoções, que nesta altura há muitas campanhas especiais com preços irresistíveis. Opção mais barata, fazê-lo em conjunto em casa, preparar as velas aromáticas e um ambiente o mais tranquilo possível com uma boa playlist de fundo. 

 

Passeio pela natureza

Porque não aproveitar esse dia e fazer uma caminhada pela natureza? Sair da rotina e da correria da cidade? Tenho a certeza de que há tantos lugares lindos para descobrir pelo país, muitas vezes bem perto de nós, e que nunca nos demos ao trabalho de descobrir e olhar com olhos de ver. E ao estar em contacto com a natureza apenas os dois, vai fortalecer-vos enquanto casal e recarregar as energias. 

 

Tour pela Cidade 

Para quem não puder estar em contacto com a natura por qualquer motivo, que tal dar uma volta pela cidade? Fazer uma espécie de tour, em que inclua (re)visitar sítios onde ambos partilharam memórias juntos, os vossos sítios preferidos e descobrir novos sítios, também.  

 

Maratona de Filmes e Séries

Esta opção também é A OPÇÃO para a #team solteiros ! Por isso, sejam originais na hora de surpreender o vosso amorzinho com uma noite de cinema em casa. Sugestão: deixem o vosso tesouro escolher o filme ou a série que quer ver caso vocês estejam indecisos sobre o que assistir. Também podem partilhar com a vossa pessoa, a vossa série ou filme favorito. Ou se preferirem, rever uma outra vez o vosso filme/série que ambos adoram. O mais importante aqui é que estejam ambos confortáveis, felizes, agarradinhos e muito cúmplices. Como se estivessem dentro de uma bolha. A vossa bolha. 

 

E pronto, eis as minhas sugestões para passarem mais um Dia de São Valentim junto da pessoa que o vosso coração escolheu amar.

Convenci-vos? Espero que sim!

Um dia feliz e recheado de muito AMOR!

A autora

foto do autor

Translate

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D